PLAYLIST: THE XX

Considerando-se pessoas frágeis, amantes e nenhum pouco guerreiras, o trio formado por Jamie Smith, Romy Madley Croft e Oliver Sim explora do preto para transfigurar sua serenidade e seriedade com as músicas produzidas. Começando a carreira fazendo covers de Pixies, Rihanna e The Cure, o The xx transmite essas influências por preservarem a originalidade e serem totalmente blasés e uncools.

Lançado entre dezembro de 2008 e abril de 2009, o primeiro álbum, com nome homônimo, vendeu mais de 400 mil cópias ao redor do mundo e colocou a banda nos palcos de festivais como Coachella e Lollapalooza. Ele segue a linha simples de construção musical a partir de uma guitarra com solos frequentes, efeitos eletrônicos, bateria totalmente minimalista e o que, particularmente eu acho mais incrível: o contraste que compõe a combinação perfeita de uma voz suave com o grave, dando uma essência sexy a mais a este som britânico.

VCR, Crystalised, Islands, Heart Skipped a Beat, Shelter, Basic Space, Night Time. Faixas que tornam completo um primeiro CD.

Passaram-se 3 anos que firmaram, convenceram e conseguiram tornar milhares de pessoas apaixonadas pela introspecção do The xx para enfim, em 2012, o álbum “Coexist” ser definitivamente lançado no último dia 10 de setembro.

Com uma espera ansiosa, ações marcaram o pré-lançamento do disco em vários veículos de comunicação, como até grafites espalhados por Londres. O vídeo abaixo foi feito na sede da XL Recordings, produtora do trio:

A banda simplesmente não ousou abandonar o minimalismo emocional do primeiro álbum e muito mesmo as letras sentimentais e o ritmo forte e denso, como ainda deu um levíssimo tom eletrônico em Reunion, na qual movimentos são formulados dando ainda mais espaço para novas experiências.

Sem ser tendenciosa (mas como sempre já sendo…), Angels, como primeira faixa e primeiro Single de “Coexist”, apenas comprova o que de fato o The xx sempre foi e conseguiu reforçar a ideia na construção deste CD.

Vale a pena escutar Try pra ter ainda mais a certeza de que eu não estou usando de qualquer dom publicitário sequer pra convencer alguém.

Dream pop. Nada mais do que dar play, escutar, relaxar, se sentir bem, dormir e sonhar com The xx.

por: Maria Fernanda Manna

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s